A IMPORTÂNCIA DA RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL E DA LOGÍSTICA REVERSA COMO ESTRATÉGIA COMPETITIVA PARA AS EMPRESAS

Adston Fernando Garcia, Clayton Cardoso de Moraes, Keila Ferreira Pavaneli, Salvador Angelo Scatena Junior

Resumo


A logística reversa é a área da logística, responsável por retornar os bens, ou seus resíduos, do ponto de consumo até o ponto de origem, sendo considerada uma forma de responsabilidade ambiental. O presente trabalho tem como objetivo evidenciar a importância da responsabilidade socioambiental e da logística reversa como estratégia competitiva a ser utilizada pelas empresas, a fim de agregar valor à sua marca com ganho de imagem corporativa responsável. Para o desenvolvimento deste estudo, foi realizada uma pesquisa exploratória envolvendo um levantamento bibliográfico, que destaca a crescente preocupação e discussão ambiental e a necessidade das empresas em adequarem sua relação com o meio ambiente, enfatizando a logística reversa de pós-venda e pós-consumo. Por meio desta pesquisa, verificou-se que a logística reversa, além de uma forma de responsabilidade ambiental, pode ser também um grande diferencial competitivo para as empresas que buscam destacar-se em um mercado cada vez mais concorrido.

Texto completo:

PDF

Referências


ALIGLERI, L.; ALIGLERI, L. A.; KRUGLIANSKAS, I. Gestão Socioambiental. São Paulo: Atlas, 2009.

ANDRADE, R. O. B. de; TACHIZAWA, T.; CARVALHO, A. B. de. Gestão ambiental: enfoque estratégico aplicado ao desenvolvimento sustentável. 2. ed. São Paulo: Pearson, 2002.

ARAÚJO, J. P.; LOPES, L. M. Estratégias de fortalecimento de marca baseadas em ações de responsabilidade sócio-ambiental. Estudo de caso de peças publicitárias das empresas: Faber Castel, Chamex e Ypê. Revista Hórus, Ourinhos, v. 4, n. 1, p. 71, nov. 2010.

BALLOU. R. H. Logística empresarial: transportes, administração de materiais e distribuição física. São Paulo: Atlas, 2009.

BERGAMO. K. M. L. STEFANELLO, P. R. Logística reversa nos ambientes empresariais. Revista Meio Ambiente e Sustentabilidade, v. 5, n. 3, p. 38-54, jan/jun. 2014.

BOWERSOX, D. J.; CLOSS, D. J. Logística empresarial: o processo de integração da cadeia de suprimento. São Paulo: Atlas, 2001.

BRAGA, A. S.; MIRANDA, L. C. de. Comércio & meio ambiente. Brasília: MMA, 2002.

BRASIL. Presidência da República. Lei nº 12.305/10, de 02 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Brasília: Presidência da República, 2010.

CAMPOS, T. de. Logística Reversa: aplicação ao problemas das embalagens da CEAGESP. 2006. Tese (Mestrado em Engenharia) – Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006.

CHURCHILL JUNIOR, G. A.; PETER, J. P. Marketing: criando valor para os clientes. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2007.

DIAS, R. Gestão Ambiental: responsabilidade social e sustentabilidade. São Paulo: Atlas, 2010.

DONAIRE, D. Gestão ambiental na empresa. 2. Ed. São Paulo: Atlas, 2006.

FLEURY, P. F. WANKE, P. FIGUEIREDO, K. F. Logística empresarial: a perspectiva brasileira. São Paulo: Atlas, 2014.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 1991.

GOLDEMBERG, J. Conferências internacionais. Eco 21, Rio de Janeiro, v. 1, n. 188, p. 16, jul. 2012.

GONZAGA, C. A. Marketing verde de produtos florestais: Teoria e prática. Revista Floresta, Curitiba, v.35, n.2, maio-agosto, 2005.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos de metodologia científica. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2005.

LEITE, P. R. Logística reversa: meio ambiente e competitividade. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.

Logística reversa: meio ambiente e competitividade. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2013.

MARION, C. V. A questão ambiental e suas problemáticas atuais: uma visão sistêmica da crise ambiental. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIREITO E CONTEMPORANEIDADE, 2., 2013, Santa Maria. Anais... Santa Maria: UFFSM, 2013.

MATTAR, Fauze Naji. Pesquisa de marketing: metodologia, planejamento. São Paulo: Atlas, 1997.

MOREIRA, F.G. BONFIM, E. A Logística reversa como gestão sustentável nas organizações. Revista Pitágoras, Nova Andradina, v. 4, n. 4, p. 1 - 15, dez/mar.2013.

MOURA, L. A. A. de. Qualidade e gestão ambiental. 4. ed. São Paulo: Juarez de Oliveira, 2004.

PEREIRA, S. S. CURI, R. C. Meio ambiente, impacto ambiental e desenvolvimento sustentável: conceituações teóricas sobre o despertar da consciência ambiental. Reunir-Revista de Administração, Contabilidade e Sustentabilidade, Sousa, v. 2, n. 4, p. 35-57, set/dez. 2012.

TADEU, H. F. B. et al. Logística reversa e sustentabilidade. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

VIEIRA, M. J. Logística reversa aplicada a reciclagem de lixo eletrônico, Estudo de caso: Oxil manufatura reversa, 2009. 44f. Monografia (Graduação em Tecnologia em Logística e Transporte). Faculdade de Tecnologia na Zona Leste, São Paulo.




Direitos autorais 2016 Organizações e Sociedade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Rev. Eletrônica Organ. Soc., Iturama (MG) - ISSN 2237-4779