DETERMINAÇÃO DO COEFICIENTE DE PERMEABILIDADE DE ELEMENTOS DRENANTES DE CONCRETO

Alisson Nemuel Idalgo, Juliana Aparecida de Castro, Patricia Luisa de Almeida, Yandara Caroline da Silva, Marcelo Jacomini Moreira da Silva

Resumo


O crescimento urbano constante está diretamente ligado à vários fatores prejudiciais ao meio ambiente, sendo um deles o aumento da impermeabilização dos solos. Atualmente dentro da lei de uso e ocupação de solo da maioria dos municípios exige-se uma área mínima permeável nas construções. Torna-se então necessário o desenvolvimento de novas formas para a drenagem urbana que contribuam para o meio visando sustentabilidade e agregando vantagens na utilização de um material que é inovador para a construção civil. O bloco drenante torna possível a infiltração direta da água no solo, aumentando o nível do lençol freático e reduzindo o escoamento superficial. O presente trabalho trata-se de um estudo comparativo de três blocos de concreto permeável de diferentes empresas, calculando a permeabilidade de cada material e comparando-os à permeabilidade do solo, o que a partir dos resultados obtidos no ensaio com os Blocos 1, 2 e 3 foi comprovado a eficácia.

Palavras-chave


Permeabilidade. Concreto drenante. Concreto permeável.

Texto completo:

PDF

Referências


AMERICAN CONCRETE INSTITUTE. ACI 566R-06 – Pervious Concrete – Reported Committee 522. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2017.

ASTM International. ASTM C1701 / C1701M-09. Standard Test Method for Infiltration Rate of In Place Pervious Concrete. West Conshohocken, PA, 2009. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2017.

BATEZINI, R. Estudo preliminar de concretos permeáveis como revestimento de pavimentos para áreas de veículos leves. São Paulo, 2013. Disponível em: . Acesso em: 03 set. 2017.

BRASTON. Piso drenante é 8 vezes mais permeável que o paver comum. Disponível em: . Acesso em: 13 out. 2017.

CARVALHO, J. C.; GITIRANA JUNIOR, G. F. N.; CARVALHO, E. T. L. (orgs.). Tópicos sobre infiltração: teoria e prática aplicadas a solos tropicais. Brasília: Faculdade de Tecnologia, 2012. Disponível em: . Acesso em: 11 maio 2017.

FEBESTRAL. Disponível em: . Acesso em: 11 ago. 2017.

FERGUSON, B. K. Porous Pavements. Integrative Studies in Water Management and Land Development. Florida, 2005. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2017.

MARCHIONI, M.; SILVA, C. O. Pavimento Inter travado Permeável - Melhores Práticas. São Paulo: Associação Brasileira de Cimento Portland, 2011. Disponível em . Acesso em: 06 maio 2017.

POLASTRE, B.; SANTOS, L. D. Concreto Permeável - Impermeabilização do Solo e Drenagem Urbana. São Paulo: Universidade de São Paulo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2006. Disponível em: . Acesso em: 08 maio 2017.

SERRAGLIA JUNIOR, C. G.; BATTAGIN, A. F. Relatório de Ensaio nº 92750. São Paulo: Associação Brasileira de Cimento Portland, 2014. Disponível em: . Acesso em: 10 abr. 2017.

VIRGILIIS, A. L. C. Procedimentos de projeto e execução de pavimentos permeáveis visando retenção e amortecimento de picos de cheias. 2009. 213 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia) – Escola Politécnica, Universidade de São Paulo, SP. Disponível em: . Acesso em: 07 set. 2017.




DOI: https://doi.org/10.29031/ros.v7i8.388

Direitos autorais 2018 Revista Eletrônica Organizações e Sociedade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Rev. Eletrônica Organ. Soc., Iturama (MG) - ISSN 2237-4779